A Linguagem Corporal Dos Olhos Que Você Não Vê

Sempre que falamos dos olhos na ciência da Linguagem Corporal podemos escrever hora e horas de conteúdo de tamanho a riqueza destes estudos.
Para algumas pessoas ver filmes de terror não é nada divertido, até consegue ver o filme, mas quando chega aquela cena… Melhor tapar os olhos !!!
Digamos que é uma estratégia bem inteligente já que talvez seja o único instrumento disponível naquele momento, mas ao longo de nossa vida fazemos a mesma coisa para situações diferentes milhares de vezes.

Os olhos são o espelho da alma
olhos lagrimas
Podemos expressar diferentes emoções e sentimentos, sinalizar atenção, esconder algo, seduzir, “fugir” simplesmente com o olhar, muitas das vezes inconscientemente.
Através de movimentos musculares que rodeiam os olhos, as pessoas mesmo com deficiência visual podem transmitir suas emoções.
No mundo das criaturas o olho humano é considerado como um dos órgãos mais maravilhosos ou uma das partes do corpo mais complexa e de grande funcionalidade. Ao contrário de outros órgãos os olhos estão diretamente relacionados com o cérebro para uma área chamada de Córtex Visual. Além disso os olhos são os únicos órgãos sensoriais que começaram a se desenvolver no útero muito antes da 4ª semana. Logo após o rosto, os olhos são considerados o elemento mais importante nas situações da interação humana, tanto que simples imagens podem provocar variedades de emoções e sentimentos.
Antes mesmo do desenvolvimento da capacidade de falar ou até mesmo os músculos faciais que ajudam nas expressões, nossos ancestrais e toda as criaturas dependiam de seus olhos para uma comunicação. Eles tiveram que usar os olhos, a área em torno do mesmo e outras partes do rosto para enviar diferentes pistas para membros de seus grupos de forma tão eficiente e oportuna quanto podiam. Através de milhões de anos de desenvolvimento e adaptação (evolução), os olhos humanos tornaram-se capazes de fazer tantas coisas além de apenas ver coisas, por exemplo expressar respeito ou supremacia, sinalizando interesse ou aversão, luxúria ou rivalidade, seduzir ou derrogar e etc.
Na PNL (Programação Neurolinguística) há o estudo da “avaliação da resposta” ou decodificação dos estados cognitivos através da detecção de movimentos oculares onde de acordo com uma responda o olho direciona-se para esquerda a cima ou direita a cima e significa algo, mas este estudo ainda está em progresso, porém já é usado por muitos. Estas leituras podem ser até precisas, mas são altamente controversas em meio a comunidade cientifica.
movimentos-oculares
Durante uma leitura dos olhos, temos que considerar diferentes áreas ou seções como a esclera (parte branca do globo ocular), íris (parte mais escura do globo ocular), pupilas (mancha mais escura no centro), músculos oculares (músculos que rodeiam os olhos), pálpebras e sobrancelhas. Ainda em alguns casos, a posição do pescoço é também considerada. Antes de “decifrar com as pistas” temos que saber e conhecer os diferentes tipos de pistas e o que são. As pistas podem ser classificadas como A) Física B) Social C) Psicológico D) Cognitivo E) Relacionamento.
Dor-de-cabeça-quando-desconfiar-que-a-causa-pode-ser-um-problema-dentário
A) Indícios Físicos: Desde a entrada através dos olhos pelas entradas sensoriais chegando assim ao cérebro, também levamos em conta como o cérebro se sente sobre ou classifica o ambiente físico que nos rodeia. Quão confortável estamos em determinados ambientes físico, isso é transmitido inconscientemente por nossos olhos. Além disso, os olhos dão pistas se o nosso corpo está sofrendo de quaisquer fatores internos ou externos, tais como lesões, cansaço ou agitação.
Um exemplo bem legal é a nossa resposta inconsciente à luz ou até o fluxo de ar. Quando a luz forte ou corrente de ar atinge nossos olhos, nós simplesmente apertamos os músculos que rodeiam nossos olhos, as pálpebras parcialmente se fecham ou ficam totalmente fechadas. Em condições mais extremas cobrimos nossos olhos com as palmas das mãos, olhamos para baixo ou até mesmo viramos nosso rosto.
Os olhos também acabam demonstrando algo quando por exemplo estamos sentindo uma dor intolerável, dor de dente ou ossos quebrados. A Resposta à dor e sofrimentos físicos podem até levar as lágrimas se for intenso. Quando você compara fotos de pessoas em sofrimentos terríveis é notável a área em torno dos olhos.
wallpaper-hijab
B) Social: Cada um de nós é uma parte integrante da sociedade humana, que é preenchido com as pessoas tendo variedades, experiências, habilidades, grupos e capacidades físicas diferentes.
A forma como uma pessoa faz um contato visual com alguém ou a forma como se coloca em posição física enquanto olha para outra pessoa pode transmitir o real interesse. O contato visual feito pode uma pessoa dominante, poderoso ou superior é exatamente o oposto de uma pessoa subordinada, impotente ou inferior.
Pessoas egoístas, dominantes e poderosas fazem obstáculos em linha reta, firme e contato visual longo e geralmente sem sorriso. Na maioria das vezes eles levantam seu queixo para expressar sua confiança. Muitas vezes mantém uma distância física considerável dos subordinados e, se possível em algo mais anto. Lembre-se do rei e seu alto trono.
wpid-Heath-Ledger-Joker-The-Dark-Knight7
C) Indícios psicológicos: Os olhos recolhem as “pistas” visuais que são enviadas para o cérebro, também estão envolvidos em expressar algumas emoções básicas. Na verdade, expressões faciais relacionadas com várias emoções e sentimentos são incompletas sem os olhos. Por outro lado, apenas os olhos e seus devidos músculos são capazes de dar pistas emocionais, mesmo quando outras partes do rosto estão escondidas ou invisíveis para um observador experiente e qualificado.
Os músculos ao redor dos olhos e sobrancelhas transmitem emoções básicas como medo, raiva, surpresa e tristeza. Embora expressando medo e raiva, nós puxamos nossas sobrancelhas próximas umas das outras e para baixo para dar proteção para os olhos enquanto os olhos parecem ser maiores. No entanto, as extremidades internas movem-se para cima e para longe no medo.
fear3815
Na tristeza, os olhos parecem ter o tamanho normal e sobrancelhas não são puxadas para baixo, mas apenas suas extremidades internas movem-se para cima e para longe uma da outra. Embora expressando surpresa ou choque, sobrancelhas para cima e longe dos olhos serve para que o cérebro colete mais pistas visuais que estão através dos olhos. Apenas sobrancelhas podem transmitir medo, raiva, surpresa e tristeza.
D) Cognitivo: Os olhos são as “portas” para informações grandes, conhecimento e inteligência, porque só a visão recolhe mais de 70% de todos os dados que são processados e armazenados dentro do cérebro. Nossos olhos dão pistas sobre o quanto estamos interessados, atenciosos, focado e até mesmo na extrema necessidade de recolher informação visual proveniente de qualquer entidade, pessoa ou situação.
Nossas pupilas são re-dirigidas para a entidade ou pessoa. Se estamos à vontade para e não ter medo do outro, em seguida, continuamos olhando a mesma continuadamente sem apertar os olhos.
Se não somos capazes de compreender, descobrir ou claramente se concentrar em algo, então apertamos os olhos e puxamos as sobrancelhas para mais perto dos olhos.
Ketty
E) Relacionamento: Se encontramos alguém (que pertence ao sexo oposto) interessante ou atraente, então não hesitamos em olhar. Muitas vezes olhamos várias e várias vezes. Além disso queremos que a pessoa saiba do nosso interesse (independente do interesse dela em nós), atraindo sua atenção para nós em muitas maneiras diferentes, por exemplo gesticulando ou tocando nosso próprio corpo.
Ao contrário do jeito direto do homem, elas são MESTRES quando estão interessadas, olhando de canto, fazendo assim com que sua observação acabe passando despercebido. Mas temos outros gestos para ficar de olho como explicamos no artigo de sedução.
Caso ambas as partes estão mutuamente interessados, então eles começam a olhar um para o outro rapidamente e muitas vezes em repetições.
É por isso que os olhos desemprenham um papel crucial durante a paquera, relacionamento ou namoro.
Além das classificações maravilhosas descritas acima, vamos ver alguns também conhecidos.
1 Esfregar os olhos: Em primeiro lugar, esfregar os olhos pode ser para limpar sujeira, poeira ou viscosidade dos olhos, que muitas vezes precisa fazer depois de se levantar da cama pela manhã. Ele também é feito se uma pessoa se cansa de algo e quer fazer uma pequena pausa.

Exhausted and tired eyes business executive woman. Businesswoman stress and problems in job.

2 Bloquear os olhos: Geralmente bloqueamos os olhos quando não queremos olhar para algo, que pode ser perturbador, angustiante ou assustador. Além disso, se não queremos que os outros olhe para nossos olhos (para ler nossa mente), então simplesmente bloqueamos-os.

Peeking

3 Desvio de aversão: Este olhar geralmente é feito quando não queremos que os outros saibam que estamos olhando para eles. Também é feito quando perde-se o interesse em alguma coisa ou alguém. Instantânea aversão indica timidez, raiva, nervosismo ou retirada.
2835227f2e028278743a6ee1bd049399
4 Olhos cansados/sonolentos: Olhos sonolentos transmitem falta de energia, falta de entusiamos. Quando se cansa de alguém, nós encaramos com os olhos parcialmente fechados. Olhos sonolentos sugerem franqueza, doença ou distúrbio psicológico também.
5 Pupilas dilatadas: O Tamanho das pupilas é controlado diretamente pelo cérebro. Quando o nosso cérebro precisa mais pistas visuais, nossa pupila se dilata. Pupilas dilatadas transmitem emoção e aumento do nível de atividade cerebral.
dilated-pupils-bad-trip-5724125a3df78ced1fe0acf1 (1)
6 Olhar para baixo: Olhar para baixo muitas vezes pode ser traduzido como falta de confiança, nervosismo, timidez ou auto-envolvimento. Olhar para baixo também sugere embaraço, insulto, perda ou tristeza. Também sugere uma “retirada”.
7 Olhar linear: Este olhar pode indicar interesse, atenção, confiança, entusiasmo ou envolvimento social. Um olhar considerado muito normal e também é o mais aceitável no meio social.
8 Olhar para cima: Olhar para cima pode indicar imaginação, visualização, fantasiando, pensamento, criatividade e também (temporariamente) retirada da interação social. Olhar para cima também indica teimosia, desprezo, desagrado ou até tédio.
9 Olhos fechados: Quando fechamos nossos olhos, o mundo em torno de nós deixa de existir. Olhos vagamente fechados com nenhum stress em torno da musculatura indicam tranquilidade, contemplação e/ou meditação. Olhos firmemente fechados indicam alto estresse caso tenha tensão na musculatura, até mesmo um conflito ou dor.
10 Olhar Esquivo: Ou olhar instável sugere confusão, medo, estresse, loucura ou falta de confiança. Ao contrário de olhar firmemente ou um contato visual direto, olhares esquivos durante uma conversa são considerados menos confiáveis.
11 Piscar os olhos: Quando pálpebras começam a abrir e fechar rapidamente em ciclos, é considerado como anormal. Piscar os olhos sugerem medo, nervosismo, culpa, raiva e instabilidade. Piscar em excesso também sugere alta atividade neural.
Se você realmente quer dominar a “língua dos olhares”, então você precisa estudar e se tornar um bom observador e saber observar pequenos detalhes. A Capacidade de observar o contexto e ter estudos certos que não sejam baseados em apenas livros são importante. Como foi citado a cima um olhar pode ter muitos significados e portanto somente alguém treinado e com um bom estudo tem a capacidade de boas observações e conclusões.
Se gostou deste SUPER artigo que preparamos não deixe de comentar, curtir e compartilhar, assim você nos ajuda a produzir conteúdos cada vez melhores e com mais qualidade.
Não esqueça de se cadastrar em nossa lista.
Referências:
Nonverbal
Psychological
Paul Ekman – Emotions 

Seja Vip !

Receba nosso ebook Grátis!

Deixe Seu Melhor Email