Certamente aprender os sinais da linguagem do corpo remove barreiras.

Aprender a observar aquelas minúcias na comunicação do seu interlocutor pode fazer com que você comunique-se mais efetivamente.

A linguagem corporal das pessoas com quem você se comunica é importantíssima para te passar o feedback necessário para aperfeiçoar sua comunicação.

Acompanhe, nas seguintes linhas, a forma como a linguagem corporal e a psicologia relações interpessoais interagem. 

Somos seres sociais – isso é um fato – o que significa que não poderemos ter sucesso em nenhuma área de nossas vidas se não tivermos sucesso em nossa comunicação interpessoal, não é à toa que existe uma grande quantidade de estudos que relacionam o comportamento não verbal com persuasão, convencimento, etc.

Meu objetivo aqui, assim como em outros artigos que escrevi, é ajudar pessoas a se tornarem socialmente hábeis, porque linguagem corporal é comunicação, e saber passar uma uma comunicação efetiva é ser socialmente hábil.

Observe

As interações, as relações interpessoais possuem um padrão.

Uma pessoa que tem sucesso nos relacionamentos com os outros, é uma pessoa que dá a devida atenção a todos os detalhes.

Agora, pense bem em alguém que você conhece, alguém do seu convívio diário – pode ser de um relacionamento amoroso, contexto familiar, de trabalho, acadêmico, escolar…

Imagine essa pessoa se comunicando, expressando diferentes emoções, em contextos diferentes, com pessoas diferentes, depois passe a observar mais essa pessoa afim de tirar a prova do quão atencioso (a) você estava sendo. 

Observe os padrões

A pergunta que te faço aqui é: você é um bom observador? conseguiu extrair um padrões no exemplo acima?

Os padrões comportamentais dão pistas importantíssimas do estado de espírito das pessoas com quem nos comunicamos e eles devem guiar a forma como utilizaremos nossa comunicação.

Por exemplo, se você notar que a pessoa com quem você está tentando interagir não parece estar num padrão mais receptivo à sua fala, pode não ser uma boa hora de conversar.

Aprender a hora de falar e de calar-se diante de alguém é uma habilidade social muito importante e que muitas pessoas negligenciam e acabam perdendo grandes oportunidades. Portanto, torne-se um bom observador.

 

Conhecendo novas pessoas

Obviamente, se está prestes a conhecer alguém, você ainda não conhece o seu padrão comportamental, mas algumas pistas da comunicação não verbal costumam se aplicar à maioria das pessoas – apresentando diferenças em intensidade no gestual e nas expressões.

Atente-se à proxêmica

A proxêmica estuda a relação entre a proximidade de pessoas com objetos ou pessoas com pessoas.

Essa área de estudo divide os espaços entre pessoas em zonas proximais e – levando em consideração o contexto cultural – as distâncias nos dão algumas pistas sobre as pessoas.

Quando nos sentimos mais à vontade com as pessoas, tendemos a nos aproximar delas, mas preste a atenção à sua proximidade de pessoas que acaba de conhecer, algumas pessoas possuem uma personalidade mais reservada e se sentirão ameaçadas pela sua proximidade.

O que seu corpo fala?

Você já avaliou seus comportamentos no meio interpessoal?

Quais conclusões tem de sua postura nos mais variados momentos de sua vida?

Qual sua relação com as pessoas de modo geral?

E em ambientes específicos?

O que há de positivo e negativo em suas ações?

Qual o tipo de ambiente onde se sente mais seguro para interagir e qual o que se sente mais tímido ?

Agora lembre-se de você se relacionando em diversos contextos (família, amigos, relacionamento amoroso…) você se mostra disposto a ouvir o que o outro diz?

o que sua postura passa ao interlocutor ? seus gestos são coerentes com sua postura?

…e o que dizem seus gestos?

Pensar sobre isso torna-se uma tarefa muito importante porque só a partir do momento em que você percebe seus pontos fortes e fracos no meio interpessoal você pode mudar conscientemente e ter uma comunicação mais eficaz e persuasiva.

Clique aqui para não perder a chance de conhecer os segredos da Linguagem Corporal

Saiba que transformar a sua comunicação não é uma tarefa tão fácil quanto parece.

A dificuldade é maior, não porque a teoria seja difícil, mas porque saber a teoria sem introjetar o conhecimento torna a sua comunicação corporal muito robótica e suspeita.

Entender toda a teoria é fundamental, mas também é importante saber desenvolver uma leitura de si e do ambiente de forma eficiente.

Concluindo

Como sabemos, mais de 70% da nossa comunicação interpessoal é composto por aspectos não verbais.

Ou seja, o aprimoramento da comunicação corporal é um recurso poderoso para o desenvolvimento de suas habilidades sociais.

Antes de tudo, é essencial exercitar a observação de si e dos outros, extrair padrões de comportamento e interpretá-los corretamente.

Se você deseja ter uma comunicação que abra portas, você precisa conhecer os segredos da comunicação não verbal.

 

Seja Vip !

Receba nosso ebook Grátis!

Deixe Seu Melhor Email